Veja Como Fazer a Declaração do MEI Com Este Passo a Passo

Veja Como Fazer a Declaração do MEI Com Este Passo a Passo
03/12/2019

Muitas pessoas têm dúvidas sobre a declaração do MEI, também conhecida pela sigla DASN-SIMEI. Ela deve ser realizada pelo Portal do Empreendedor. Vamos explicar para você como fazer essa declaração e mais detalhes sobre ela. Confira a seguir!

O que é a declaração do MEI?

A declaração do microempreendedor deve ser feita anualmente para a Receita Federal e ela é um documento onde irá contar informações sobre o faturamento que o negócio teve no ano passado. 

Ela é obrigatória e deve constar informações como:

  • receita bruta total do ano anterior; 
  • receita da venda de produtos ou serviços;
  • se teve ou não empregados registrados no período.

A sua declaração será feita em cima do valor bruto faturado. Mas lembre-se que todos os valores são referentes ao ano anterior. 

Como fazer a declaração do MEI?

Primeiramente, você precisa saber que deve anotar as informações todos os anos para que nada fique perdido. Além disso, quanto mais organizado você for, melhor será, pois isso irá otimizar seu tempo de elaboração do documento e facilitar na hora de encontrar os dados que precisa. 

Portanto, anote tudo, tenha um controle, use uma agenda ou planilha e saiba os valores que entram e saem de sua microempresa. 

Com os números em mãos, você deve somar os valores do relatório mensal de receitas brutas.

Agora, siga o passo a passo e veja como fazer a declaração do MEI:

  1. entre no site do Portal do Empreendedor; 
  2. selecione “Declaração Anual — DASN-SIMEI”;
  3. informe o CNPJ;
  4. ao entrar na nova tela, no campo “Declaração Original”, selecione a opção do ano anterior; 
  5. preencha o campo “Valor da Receita Bruta Total” com o faturamento total anual da empresa. Já no campo seguinte, informe o montante referente às receitas de atividades de comércio, indústria e serviço de transporte intermunicipal e interestadual;
  6. depois, basta concluir a operação e pedir para imprimir o documento; 
  7. guarde o comprovante de sua declaração!

Caso você seja alguém que tenha perdido o prazo da declaração — que é sempre no dia 31 de maio do ano seguinte —, o processo é o mesmo, porém terá que pagar uma multa pelo atraso. 

Viu só como é simples fazer a declaração do MEI? Isso faz com que seu CNPJ permaneça sempre ativo e você não tenha problemas com a Receita Federal! 

Continue navegando pelas matérias do E-Diário Oficial para ter acesso a mais conteúdos como este. Veja também como emitir nota fiscal para microempreendedores

Por: Leonardo Silva

Nem tudo pode ser publicado no Diário Oficial da União (DOU) e do Estado (DOE) e o Leonardo entende bem disso. Com todo o seu conhecimento na área jurídica, ele sabe exatamente que tipo de conteúdo será aceito ou não na etapa de aprovação da matéria pela a Imprensa.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode se interessar por

Veja mais