O Que São Tributos Diretos e Indiretos

O Que São Tributos Diretos e Indiretos
06/02/2019

Se você deseja saber o que são tributos diretos e indiretos, está no lugar certo! Neste artigo, vamos explicar para você um pouco mais sobre estes impostos. Entenda melhor o conceito, quais são os tributos diretos e indiretos e quais as diferenças. 

O que são tributos diretos e indiretos? Veja o conceito deles

Para você entender o que são tributos diretos e indiretos, vamos falar separadamente de cada um deles. Como dito anteriormente, ambos são impostos cobrados, podendo ser pelo governo ou pela prefeitura, por exemplo.

Tributos diretos

Os tributos diretos são os impostos que o governo recebe sobre os bens e a renda dos cidadãos trabalhadores. Ou seja, são os tributos perante o patrimônio, salário, aluguel, etc. Ele é chamado de direto, pois a forma de arrecadação é tirada diretamente dos recursos financeiros/despesas da pessoa. 

Tributos indiretos

Já os indiretos são aqueles impostos em que o governo arrecada em cima de produtos e serviços, ou seja, das vendas de produtores e comerciantes. É chamado de indireto, pois não atingem diretamente o cidadão consumidor, mas, depois, o valor dos impostos é repassado para os preços das mercadorias. 

Então, qual a diferença de tributos diretos e indiretos?

De modo geral, a diferença entre os dois tipos de impostos se dá pela forma como o governo arrecada esses valores, sendo um diretamente do cidadão como pessoa e o outro por meio das vendas de produtos e serviços. 

Quais são os impostos indiretos e diretos?

Para exemplificar ainda mais e melhorar seu entendimento sobre esses tributos, vamos listar alguns exemplos de quais são os impostos diretos e indiretos. Veja:

Impostos diretos

  • Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF): relacionado ao salário dos trabalhadores que não são de baixa renda;
  • Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA): tributo anual para donos de veículos automotores, como carros, motos, etc;
  • Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU): relacionado aos proprietários de imóveis, como casas, apartamentos, terrenos e espaços comerciais. 

Impostos indiretos

  • Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS): cobrado sobre o comércio de produtos e serviços — a maioria das mercadorias relacionadas às necessidades básicas contam com impostos menores ou até mesmo isentos; 
  • Imposto sobre Serviços (ISS): relacionado com a prestação de serviços do município, ou seja, serviços voltados à educação, saúde, ao profissional autônomo, etc;
  • Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI): tributo relacionado aos produtos industrializados.

Gostou de saber mais sobre tributos diretos e indiretos? Sua dúvida foi respondida? Então curta, comente e compartilhe esse conteúdo!

Para ficar sempre informado, siga navegando pelas matérias do E-Diário Oficial!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode se interessar por

Veja mais