Quais São As Contas Que Compõem O Patrimônio Líquido?

Quais São As Contas Que Compõem O Patrimônio Líquido?
13/12/2021

Você sabe quais são as contas que compõem o patrimônio líquido? Esse cálculo é fundamental para saber a real situação financeira de uma empresa — se ela está tendo lucro ou prejuízo —, por isso deve considerar todos os seus ganhos e custos. 

A seguir, veja como calcular o patrimônio líquido e quais contas deve considerar na hora do levantamento.

Como calcular patrimônio líquido?

O patrimônio líquido se refere à riqueza da empresa depois de deduzidas todas as contas que ela deve pagar. Para chegar nesse valor, é preciso subtrair os passivos (as obrigações) dos ativos (bens e direitos). Sendo assim, este é o cálculo:

ATIVO – PASSIVO = PATRIMÔNIO LÍQUIDO

Entretanto, para chegar nos valores finais de ativos e passivos, diversos fatores devem ser considerados. Entenda melhor quais são as contas que compõem o patrimônio líquido.

Contas que compõem o patrimônio líquido

Existe uma infinidade de formas de uma organização ganhar e perder dinheiro. O cálculo do PL deve levar todas elas em consideração. Por isso, existem algumas contas que compõem o patrimônio líquido e devem ser observadas a cada cálculo desse. Veja a seguir:

1. Capital social

Este é o valor inicial investido por sócios e acionistas no processo de abertura da empresa, quando ela ainda não dá lucro para se sustentar sozinha.

2. Reservas de capital 

São referentes aos valores recebidos pela empresa, mas que não têm ligação com a sua atividade final ainda. Portanto, não são ligados aos resultados da organização, mas sim provenientes de compras de ações ou dividendos, por exemplo. 

3. Ajustes de Avaliação Patrimonial

Esses são os resultados da avaliação dos bens da empresa de acordo com o cálculo do seu valor justo, considerando sua valorização ou depreciação. O “valor justo” se refere ao montado que poderia ser cobrado em uma possível negociação entre duas partes.

4. Reservas de lucros

São as contas construídas a partir do lucro obtido pela empresa na prestação de serviços ou venda de produtos (atividade final).

5. Ações em tesouraria 

São referentes às ações emitidas por uma empresa e que, depois, são recompradas pela companhia no mercado financeiro.

6. Lucros ou prejuízos acumulados

São correspondentes à soma dos resultados positivos ou negativos nas Demonstrações de Resultados da Empresa (DRE) ao longo dos anos, desde a sua formação. 

Essas são as contas que compõem o patrimônio líquido e que também devem estar dispostas no Balanço Patrimonial — documento obrigatório para todas as empresas e que, em alguns casos, precisa ser publicado no Diário Oficial.

Neste artigo, veja como publicar o Balanço Patrimonial no DOU sem complicações com o e-Diário Oficial. 

Por: Leonardo Silva

Nem tudo pode ser publicado no Diário Oficial da União (DOU) e do Estado (DOE) e o Leonardo entende bem disso. Com todo o seu conhecimento na área jurídica, ele sabe exatamente que tipo de conteúdo será aceito ou não na etapa de aprovação da matéria pela a Imprensa.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode se interessar por

Veja mais