Tabela de CFOP — Códigos Que Todos os Contadores Precisam Saber

Tabela de CFOP — Códigos Que Todos os Contadores Precisam Saber
13/08/2019

O setor de contabilidade de uma empresa precisa fazer relatórios que comprovem o status financeiro — situações como movimentações, recolhimento de impostos, estoque e emissão de notas fiscais são essenciais. Para clarificar melhor e deixar dentro das normas dessa categoria de documentos, é preciso conhecer a tabela de CFOP e adicionar os códigos corretos para cada transação.

Veja só alguns dos códigos que todos os contadores devem saber!

O que é a tabela CFOP?

A tabela CFOP (Código Fiscal de Operações e de Prestações) é responsável por mostrar os códigos de operações fiscais que devem ser usados em relatórios. Esses números identificam a natureza das transações para facilitar a categorização. São quatro dígitos, divididos em:

  • primeiro dígito: mostra se é entrada (de 1 a 3) e saída (5 a 7) de dinheiro;
  • segundo dígito: representa o agrupação no documento fiscal;
  • terceiro e quarto dígito: tipo de operação.

Além disso, os números podem ser separados em:

  • 1 e 5: transações dentro do estado;
  • 2 e 6: transações em outros estados;
  • 3 e 7: transações fora do país.

Conheça alguns códigos importantes

Se você é um contador, deve ter amplos conhecimentos sobre a tabela de CFOP para preencher os documentos fiscais da empresa para qual presta serviço. Entretanto, existem alguns códigos que são mais comuns e úteis para distintos tipos de negócios. Por exemplo:

Entrada

  • 1102: compra para comercialização;
  • 2102: compra para comercialização;
  • 3102: compra para comercialização.

Servem para o mesmo tipo de transação: aquisição de produtos de um fornecedor para revenda — nesse caso, sem substituição tributária. Porém, note que a diferença no primeiro dígito evidencia a procedência desse bem, pois enquanto no primeiro a compra foi feita dentro do estado, a segunda tem origem de fora.

Caso essa aquisição seja feita sem a finalidade ser revendida, mas sim para uso interno do estabelecimento, existem outros códigos:

  • 1556: compra de produtos destinadas ao uso ou consumo da empresa dentro do estado;
  • 2556: compra de produtos destinadas ao uso ou consumo da empresa fora do estado;
  • 3556: compra de produtos destinadas ao uso ou consumo da empresa em outro país;

Se a compra para comercialização foi feita pelo regime de substituição de tributação, as identificações são 1403 e 2403.

Saída

Funciona com a mesma lógica da entrada, mudando apenas o primeiro dígito para transações gerais. Por exemplo:

  • 5102: venda de produtos para terceiros de dentro do estado;
  • 6102: venda de produtos para terceiros de fora do estado;
  • 7102: venda de produtos para terceiros de outro país.

Gostou de conhecer alguns dos principais códigos da tabela de CFOP? Então leia mais artigos aqui no portal e-Diário Oficial!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode se interessar por

Veja mais