Qual a Diferença Entre os Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário?

Qual a Diferença Entre os Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário?
08/06/2018

Você sabe a diferença entre o poderes executivo, legislativos e judiciário? A divisão entre as instâncias governamentais adotada no Brasil foi desenvolvida por Montesquieu. A estrutura foi proposta pelo filósofo em seu livro “O espírito das leis” e é utilizada como base da fundamentação dos processos governamentais. 

Quer saber mais? então continue lendo este artigo! 

 

 

Entenda o papel dos poderes executivo legislativo e judiciário

Diferente dos sistemas de governo absolutistas, que possuam características ditatoriais, na estruturação dos três poderes, cada uma das instâncias possui autonomia de exercer sua função, além de possuir a independência de fiscalizar as outras.  Veja a distinção e responsabilidade de cada uma das estruturas governamentais:

 

Poder executivo

A responsabilidade principal do poder executivo é a administração do país. A instância executiva é segmentada em três esferas: de ordem federal, estadual e municipal. Os de cada segmento representantes são, respectivamente, o presidente, governador e prefeito. A figura representativa de maior poder é o presidente da república. 

Cada dirigente é escolhido por meio de eleições diretas, eles possuem autonomia para nomear ministros e secretários para prestarem assistência durante o andamento do governo, ajudando na tomada de decisões que estejam associadas aos interesses e necessidades da população. 

 

 

Poder Legislativo

Como principal função, o poder legislativo ordena e cria leis para benefícios da nação. Além disso, a divisão também é responsável por supervisionar as atuações de responsabilidade do executivo. A instância possui as ordens federal, estadual e municipal. A Câmara dos Deputados e o Senado Federal representam o âmbito federal. Nos estados, a criação de leis é realizada pelos deputados estaduais, já nos municípios a tarefa é realizada pelos vereadores. 

 

 

Poder Judiciário

Por último, entre os três poderes, o judiciário tem o dever de julgar e analisar a aplicação correta das leis desenvolvidas pelo legislativo. O terceiro poder é composto pelo órgãos: 

  • Supremo Tribunal Federal (STF): instituição de maior poder do judiciário, é composto por 11 ministros indicados pelo presidente. O Supremo é responsável por fiscalizar e julgar o cumprimento das leis constitucionais;

 

  • Superior Tribunal de Justiça(STJ): atua no julgamento de causas criminais que envolvam indivíduos que possuem cargos que possibilitam a ocorrência do “foro privilegiado”;

 

  • Justiças Estaduais: em cada um dos estados existe um tribunal de justiça regional, nesses órgãos atuam os desembargadores e os juízes estaduais. 

 

Entendeu a diferenciação entre os poderes executivo,legislativo e judiciário? Comente e compartilhe este artigo! Aproveite e confira mais conteúdos no E-diário Oficial! 

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode se interessar por

Veja mais