Categories: Sem Categoria

Quais Os Tipos De Planejamento Tributário? Saiba Como Aplicá-los Na Sua Empresa | Blog E-diário

Ao compreender os tipos de planejamento tributário, as empresas encontram uma maneira lícita de reduzir o pagamento de tributos. Ou seja, é uma forma eficiente de economizar impostos e as empresas — de todos os tamanhos — deveriam utilizar. 

Entretanto, é importante entender, entre os três tipos existentes, em que partes da estratégia é mais interessante usá-los, bem como os setores da sua empresa, assim é possível executar com eficiência e atingir objetivos.

Quer entender melhor o que é, os tipos de planejamento tributário e como aplicá-lo na sua empresa? Continue lendo o artigo!

O que é planejamento tributário?

O planejamento tributário é um processo de análise lógica da situação financeira de uma empresa com o objetivo de reduzir a responsabilidade tributária. Ele consiste em planejar a renda de maneira legal para aproveitar diversas isenções e deduções fiscais. 

Essa estratégia envolve a aplicação de diversas disposições vantajosas que são legais e conferem ao autuado o direito de usufruir do benefício de:

  • deduções;
  • créditos;
  • concessões;
  • abatimentos;
  • isenções. 

Para resumir, podemos dizer que o planejamento tributário é um processo em que há um estudo lógico e precoce dos negócios financeiros e das obrigações contábeis de tal forma que beneficie a empresa para que ela pague um valor mais baixo pelos impostos.

Dentro disso, há três principais tipos, que você conhecerá melhor a seguir.

Tipos de planejamento tributário e como aplicá-los 

Como você viu, há três principais tipos de planejamento tributário e cada um se encaixa melhor de acordo com as áreas de cada empresa e os objetivos. Veja mais a seguir:

Planejamento tributário operacional

É aquele que aplica as disposições fiscais de maneira intelectual para aproveitar os benefícios fiscais com base nas prioridades nacionais. Neste modelo de negócio, a redução de tributos acontece por meio da antecipação de seu pagamento e pela escrituração correta.

Para realizar a aplicação, é elaborado o planejamento tributário para períodos de três a seis meses, em que serão demonstrados todos os meios para serem articulados, sendo que precisam ser desenvolvidos dentro desse tempo. O intuito disso é conseguir atingir os objetivos estabelecidos. 

Nesse tipo de planejamento, são especificadas as responsabilidades de cada pessoa envolvida, assim como as atividades, tarefas e recursos que serão utilizados, criando condições para o alcance dos objetivos.

Dessa forma, precisa conter todos os meios necessários para sua implementação, a metodologia que será utilizada, os objetivos esperados e os responsáveis pela realização.

Planejamento tributário estratégico

Neste, os objetivos são pensando no futuro da empresa, por isso, os propósitos são pensando em benefícios a longo prazo. Isso irá contribuir para a definição da visão, missão, e valores da organização.

Aqui, o tempo estimado de elaboração é de  5 a dez anos, sendo necessário considerar fatores internos e externos à empresa, pensando na melhor alocação dos recursos, de forma que resultem em benefícios para o negócio. 

Por serem decisões que trazem mudanças nas características da empresa, o planejamento costuma ser feito por cargos mais altos, como proprietários, presidentes e diretoria.

Planejamento tributário tático

Esse pode ser elaborado, em média, de um a três anos, e é focado no médio prazo. Ele utiliza a visão global da organização no planejamento estratégico. A diferença é que ser voltado diretamente para as áreas e departamentos da empresa.

Ou seja, são elaboradas decisões e projeções para a organização como um todo, e o tático traduz esses planos e concretiza em cada setor. 

Dessa forma, cada departamento procura lançar objetivos de modo a garantir o alcance das metas propostas pelo planejamento estratégico.

Agora que você já compreendeu melhor os tipos de planejamento tributários e como colocar em prática, que tal entender melhor como elaborar um plano de contas contábil e ficar por dentro do assunto para não perder nenhum detalhe?! 

Conteúdo AG Mestre

Recent Posts

Saiba Para Que Serve o MEI

Saiba como o MEI pode transformar seu negócio. Leia o artigo e conheça vantagens e…

6 dias ago

Relatório de Receitas Brutas — Para Que Serve e Como Preencher

Conheça a estrutura ideal de um relatório de receitas brutas e como ela pode otimizar…

5 meses ago

Modalidades de Licitação: Entenda Cada Uma Delas

Entender as modalidades de licitação existentes é fundamental para quem deseja participar de um processo…

5 meses ago

O Que É Um Contrato De Consumo E Como Elaborar?

Neste artigo, você vai descobrir o que é um contrato de consumo e quais são…

5 meses ago

Entenda Para Que Serve um Sindicato

Tem dúvidas de para que serve um sindicato? Leia o artigo para entender!

5 meses ago

Contratos Administrativos — Saiba Como Formular Corretamente

Neste artigo, você vai entender melhor sobre os contratos administrativos e como o E-diário Ofícial…

5 meses ago