Categories: Matérias

Direito Autoral: Saiba Tudo E Não Corra Risco De Infringir A Lei!

O direito autoral, segundo a legislação brasileira, consiste em um conjunto de prerrogativas que garantem a qualquer pessoa física ou jurídica, gozar dos benefícios provenientes de sua obra intelectual. 

 

A Lei 9610/98, é a melhor maneira de criar garantias sobre o patrimônio criado. Quer entender mais sobre como ela funciona ou assegurar que não está violando os direitos de copyright? Confira o artigo!

 

Como funciona o registro de direito autoral?

 

Os registros de direitos autorais são feitos por meio da Biblioteca Nacional, que deve receber uma cópia física da obra. O processo de análise e validação dura em torno de 180 dias. 

 

Veja a seguir algumas dúvidas frequentes sobre o tema:

 

O registro só vale em território nacional?

 

Não, os direitos autorais registrados no Brasil, também são marcas registradas em outros territórios. Quando alguém formaliza o registro de obra, este passa a ser reconhecido em mais de 160 países.

 

Quanto tempo dura o copyright?

 

Talvez você já deve ter reparado que as músicas clássicas não possuem propriedade intelectual registrada, isso acontece, porque os direitos sobre a obra só valem enquanto o autor estiver vivo e até 70 anos após a sua morte. 

 

É obrigatório registrar uma obra?

 

Não, somente se houve o interesse em usufruir dos benefícios, pela utilização de terceiros ou então formalizar sua criação. 

Como não violar a lei de direito autoral?

 

Com a existência de inúmeras produções, algumas pessoas ou empresas possuem certa insegurança ao utilizarem materiais de terceiros, por temerem estar violando alguma prerrogativa da Lei 9610/98. Veja a seguir algumas maneiras de precaver que esse tipo de situação aconteça:

 

Utilize programas que identificam plágio

 

Para verificação de conteúdos escritos, é possível identificar se trechos específicos podem ser classificados como plágio (o que é uma violação dos direitos autorais), utilizando ferramentas de análise. 

 

Alguns softwares gratuitos disponíveis são:

 

  • “Plagius”;
  • “Farejador de Plágio”;
  • “AntiPlagiarist – ACNP Software”;
  • “CopySpider”.

 

Verifique se a obra é registrada

 

Uma maneira eficiente de ter certeza de que não haverá implicações legais sobre o uso de determinado material é realizando a checagem sobre a obra em questão. Para isso, basta buscar pelo nome da criação intelectual na Biblioteca Nacional. 

 

Um ponto importante é que mesmo obras que são registradas, podem ser utilizadas por terceiros, basta verificar as especificidades do registro e quais são as formalidades necessárias para divulgá-las.

 

Em casos de uso não comercial, é comum que simplesmente seja atribuído o nome do autor, por exemplo. 

 

Agora que você já sabe como se precaver para não violar os direitos de copyright, aprenda como registrar uma marca e garantir os direitos do seu negócio!

Conteúdo AG Mestre

Recent Posts

Entenda Qual o Objeto de Estudo da Contabilidade e a Importância de Organizações Investirem na Área

Você sabe responder qual o objeto de estudo da contabilidade? Essa ciência contábil é de…

1 mês ago

O Que São Sanções Administrativas? Conheça Os Tipos

Você sabe o que acontece quando um contrato de Administração Pública não é respeitado? O…

1 mês ago

Livro Ata: Como Redigir E Fazer Termos De Abertura E Encerramento?

Ter um livro ata é fundamental para acompanhar e fiscalizar todas as decisões que foram…

1 mês ago

Entenda Como Utilizar o Sistema ERP para Pequenas Empresas

O sistema ERP para empresas pequenas auxilia na organização dos processos estruturais dentro do negócio.…

1 mês ago

Tudo Que Você Precisa Saber Sobre A Lei Da Contabilidade

Conhece a Lei da Contabilidade? Se a resposta for negativa, leia o artigo do E-Diário…

1 mês ago

O Que é DRE na Contabilidade?

Se você é ou quer ser um bom contador, precisa saber tudo sobre a DRE…

1 mês ago