Atualidades

Alteração da Dívida do Cartão de Crédito a Partir de Abril

Anunciado pelo Banco Central, o uso rotativo do cartão de crédito ficará limitado a um prazo de 30 dias a partir de abril. Saiba tudo sobre a alteração da dívida do cartão de crédito, a seguir.

Novas regras do Banco Central

Quem faz uso constante do cartão de crédito não poderá mais pagar um valor mínimo da fatura por muito tempo. Após 30 dias, a dívida que, antes, virava uma espécie de “bola de neve”, agora será parcelada e o governo espera que, assim, os juros fiquem mais baixos.

A partir de abril, o crédito rotativo do cartão só poderá ser usado até o vencimento da fatura seguinte. De acordo com as novas regras do Banco Central, o cliente tem duas opções: pagar uma nova dívida ou aceitar a nova linha de financiamento com o parcelamento da dívida e juros menores que o banco oferece.

Juros do cartão estão entre os mais altos

Os juros médios do cartão de crédito estão entre os mais altos. A taxa pode chegar a 459,56% ao ano. Os juros são cobrados quando o cliente não paga o valor total da fatura. Atualmente, o cliente tem a opção de pagar apenas uma parte da fatura, chamado também de valor mínimo (15%) e deixar o restante do saldo para o próximo mês. Essa opção é chamada de crédito rotativo.

Os juros são definidos pelas instituições financeiras e são cobrados sobre a quantia que não foi paga.

Parcelamento Automático

Partindo do princípio de que os bancos estão se reestruturando após a decisão do Banco Central, estima-se que o parcelamento será automático. Essa parece uma alternativa prática, já que a mudança foi justificada pelo acréscimo de juros em cima dos valores originais.  A fórmula será: parcelou, pagou, usou. É essa a expectativa do ciclo do Banco Central. Porém, como de fato tudo funcionará, só será possível saber mesmo em meados de março e início de abril.

Deseja publicar informes sobre a dívida do cartão de crédito? Conte com os serviços do e-Diário Oficial!

Você também vai gostar de:

 

  1. Lei que Renegocia dívida de produtor é sancionada

  2. É Sancionada pela Presidente Lei Para o Parcelamento de Dívidas Fiscais

Conteúdo AG Mestre

Recent Posts

Saiba Para Que Serve o MEI

Saiba como o MEI pode transformar seu negócio. Leia o artigo e conheça vantagens e…

1 semana ago

Relatório de Receitas Brutas — Para Que Serve e Como Preencher

Conheça a estrutura ideal de um relatório de receitas brutas e como ela pode otimizar…

5 meses ago

Modalidades de Licitação: Entenda Cada Uma Delas

Entender as modalidades de licitação existentes é fundamental para quem deseja participar de um processo…

5 meses ago

O Que É Um Contrato De Consumo E Como Elaborar?

Neste artigo, você vai descobrir o que é um contrato de consumo e quais são…

5 meses ago

Entenda Para Que Serve um Sindicato

Tem dúvidas de para que serve um sindicato? Leia o artigo para entender!

5 meses ago

Contratos Administrativos — Saiba Como Formular Corretamente

Neste artigo, você vai entender melhor sobre os contratos administrativos e como o E-diário Ofícial…

5 meses ago